Login

Heidelberg: mais encomendas e maior procura por modelo de subscrição

Sede da Heidelberg
 
A Heidelberg iniciou o ano financeiro de 2018/2019 com um crescimento nas vendas líquidas e nos resultados. A procura pelo recém-estabelecido modelo de subscrição e o lançamento da produção da impressora digital Primefire mostram o potencial da transformação para o digital.
 
As encomendas recebidas, por exemplo, melhoraram no primeiro trimestre (entre 1 de abril a 30 de junho) em 6%, para € 665 milhões. A carteira de encomendas cresceu 18% para € 714 milhões (ano anterior: € 603 milhões), em parte devido a contratos de subscrição, particularmente em termos de negócios de ciclo de vida, ou seja, serviços e consumíveis.
 
O primeiro trimestre trouxe as primeiras receitas obtidas com contratos de subscrição, que geram vendas recorrentes num prazo que geralmente dura cinco anos.
 
No entanto, a Heidelberg também registrou crescimento nos negócios tradicionais durante o primeiro trimestre, com um aumento de vendas de 9%, para € 541 milhões, apesar dos efeitos cambiais negativos. Se as taxas de câmbio tivessem permanecido similares, as receitas teriam aumentado cerca de 11%.
 
“A forte procura dos clientes pelo novo portfólio de subscrição e impressoras digitais para embalagens excedeu as expectativas. A Heidelberg está a impulsionar a digitalização em todo o setor. O estabelecimento dos novos modelos de negócios está a correr como planeado e, a princípio, fará uma contribuição relativamente modesta para as vendas líquidas e resultados, embora tenha um aumento significativo a médio prazo” Rainer Hundsdörfer, CEO da Heidelberg.
 

Modelo de subscrição desempenha um papel cada vez maior
 
A forte procura pelo novo modelo de subscrição produziu contratos adicionais no trimestre referido. Estão em análise vários contratos, dado o nível de interesse que os clientes internacionais demonstram no modelo de pagamento por utilização que a Heidelberg oferece.
 
A empresa espera concluir 30 contratos no atual ano fiscal, o que equivale a vendas potenciais de aproximadamente € 150 milhões durante o período do contrato. O objetivo é concluir pelo menos 250 contratos até 2022.