fbpx

As restrições aos viajantes totalmente vacinados, que viajam para a Holanda a partir de "países de alto risco" serão levantadas a partir de 22 de setembro de 2021, o que significa que quem visitar a FESPA Global Print Expo e European Sign Expo 2021 em Amesterdão (12 a 15 de outubro de 2021), não necessitará quarentena à chegada.

FESPA Digital 2016 Amsterdam RAI

Os viajantes que tenham provas de que estão totalmente vacinados com uma vacina aprovada pela UE podem agora entrar livremente na Holanda. A prova pode ser fornecida através do Certificado Covid Digital da UE (DCC) ou certificação equivalente de países terceiros.

O CEO da FESPA, Neil Felton, comenta: "A viagem para a Holanda, a partir da maior parte da Europa continental já era sem problemas para os detentores do DCC da UE. Este levantamento da quarentena obrigatória para visitantes totalmente vacinados de países de "risco muito elevado" é importante, porque dará ainda mais confiança às gráficas para fazerem planos para visitar a FESPA 2021. Sabemos que há uma forte apetência por parte de empresas de todo o mundo para voltar ao nosso evento, ao vivo, refrescar os seus conhecimentos da indústria e ver por si mesmos as centenas de inovações de produtos que serão vistas em público, pela primeira vez, na feira."

A prova da dupla vacinação permitirá também o acesso ao Centro de Exposições da RAI e à área de exposição FESPA/European Sign Expo. O anúncio do Governo neerlandês foi acompanhado de outros ajustamentos às medidas de distanciamento social, e as disposições da FESPA para a COVID serão atualizadas em conformidade. Para obter informações atualizadas, visite: www.fespaglobalprintexpo.com/show-information/covid-19-update.