fbpx

As tintas látex da HP são à base de água e garantem vantagens para a saúde e para o ambiente, quando em comparação com as alternativas eco solventes, solventes ou de cura UV.

Além disso, são tintas que asseguram a versatilidade de substratos a imprimir, por se adequarem a diferentes tipos de media, assim como a durabilidade das impressões, tanto em ambientes interiores quanto exteriores.

Create the future

A sustentabilidade deve medir-se durante todo o ciclo de vida de um produto. Tudo começa na produção, com a escolha dos substratos e tecnologias a utilizar e é precisamente aí que as tintas HP Latex representam a diferença.

O ambiente de produção é limpo, já que os colaboradores não são expostos a odores ou químicos. Até 80% da fórmula de tinta eco solvente é composta por um solvente orgânico volátil considerado Poluente Atmosférico Perigoso (HAP) pela EPA. A alta volatilidade deste composto em elevadas concentrações nas tintas eco solventes resulta sempre em níveis significativamente mais elevados de COVs (compostos orgânicos voláteis) do que as tintas à base de água. Isso significa que não é necessária qualquer ventilação especial nos locais de produção dos equipamentos HP Latex, já que não há emissões de ozono ou poluentes atmosféricos inflamáveis ou combustíveis.

Cada gota de tinta é formulada por partículas de polímero de látex, partículas de pigmentos e pelo veículo líquido da tinta, ou seja, água, agente molhante e humectante. Os tinteiros HP Latex ajudam a evitar a exposição a reações químicas de monómeros reativos e a produção de ozono. Já as tintas UV e tintas de gel UV podem conter até 80% de compostos perigosos, como monómeros de acrilato e foto iniciadores. É por isso que os materiais impressos com a tecnologia Látex podem ser utilizados em espaços interiores, incluindo ambientes sensíveis, como em escolas, hospitais e locais com critérios rígidos relacionados com a saúde humana e o meio ambiente, com a segurança de mais de 30 certificações e rótulos ecológicos.

 

HP Eco-Carton

Os tinteiros de plástico da gama HP Latex foram substituídos pelos HP Eco-Carton. As tintas são fornecidas em embalagens de cartão com uma bolsa no interior, o que facilita separar os componentes para encaminhar facilmente para reciclagem e isso representa 80% de diminuição de utilização de plástico na produção dos tinteiros. Os materiais da parte interior do tinteiro, incluindo o saco de tinta, são 55% recicláveis e podem ser devolvidos gratuitamente no Programa HP Planet Partners para o reprocessamento de peças de plástico, não sendo depositados em aterros sanitários. Para devolver sacos de tinta, cabeças de impressão ou até as impressões, os clientes podem participar no Programa HP Planet Partners, completamente gratuito e garantir a sustentabilidade ambiental, social e económica das suas operações, um ponto de distinção no mercado.

Os novos tinteiros Eco-Carton representam ainda uma redução em 66% nas emissões de CO2, o que a nível anual corresponde ao carregamento de cerca de 38 milhões de smartphones e mais de um milhão de km percorridos por um automóvel. São poupadas 291 toneladas de CO2e por ano no fabrico dos tinteiros, assim como 8 toneladas de CO2e na logística, devido às eficiências volumétricas atingidas.

latex eco carton combined

CO2e ou CO2eq

A sigla significa “equivalente de dióxido de carbono”, uma medida internacionalmente padronizada relativa à quantidade de gases de efeito estufa (GEE) como o dióxido de carbono (CO2) e o metano.

A equivalência quantifica o potencial de aquecimento global dos gases envolvidos e calcula quanto de CO2 seria emitido se todos os GEEs fossem emitidos como esse gás. As emissões são medidas em toneladas métricas de CO2e por ano, ou através de múltiplos como milhões de toneladas (MtCO2e) ou biliões de toneladas (GtCO2e).

O dióxido de carbono equivalente é o resultado da multiplicação das toneladas emitidas do GEE pelo seu potencial de aquecimento global. Por exemplo, o potencial de aquecimento global do gás metano é 21 vezes maior do que o potencial do CO2. Então, diz-se que o CO2 equivalente do metano é igual a 21.