Login

Gráfica Ideal de Águeda aposta na energia solar

Foto Contrato Sunenergy Grafica Ideal

A Gráfica Ideal de Águeda, especializada na produção de embalagens, assinou um contrato para a instalação de uma Unidade de Autoconsumo Fotovoltaico, da SunEnergy, que vai permitir uma poupança anual de energia de cerca de 80 mil euros.

A aposta nas energias renováveis, nomeadamente a do sol, permite uma poupança significativa na fatura energética, o que leva a uma maior competitividade.

“A partir do momento em que decidimos fazer um investimento de ampliação e modernização da nossa empresa, decidimos também instalar painéis solares para autoconsumo, permitindo assim que a empresa se tornasse mais eficiente do ponto de vista energético e ambientalmente mais responsável. Trabalhamos com grandes empresas como a Procter & Gamble, Unilever, Nestlé, entre outras grandes multinacionais e acreditamos que este tipo de preocupações energéticas e ambientais estão em linha com aquilo que as maiores empresas do mundo defendem e procuram e é mais uma forma de estarmos alinhados com as preocupações dos nossos clientes”. João Pedro Rosa Duarte, administrador da Gráfica

 Rui Oliveira, responsável da SunEnergy, explica: “Trata-se de um modelo de produção descentralizada de energia, que tem a vantagem de produzir energia quando ela é mais cara para as empresas, precisamente durante o dia, quando existe sol”, adiantando ainda a importância deste tipo de investimento, com “rentabilidades superiores a 20-25% ao ano”.

O projeto será constituído por 1744 painéis solares fotovoltaicos de 300W, destinados à produção de energia elétrica a partir do sol, que será integralmente consumida pela empresa.

Os 523 kW de potência, que se vão traduzir em cerca de 750.000 kWh/ano, permitirão à empresa uma significativa redução da sua fatura energética, à qual se junta uma também importante diminuição das emissões de CO2: 400 toneladas ao fim de um ano que, contas feitas a longo prazo, chegarão às 10.000 toneladas de CO2 (em 25 anos).