fbpx

A Brother acaba de lançar um serviço de gestão descentralizada de impressão, que permite que as empresas paguem um valor por colaborador, em teletrabalho, para que os responsáveis de TI possam gerir e controlar os equipamentos de impressão e digitalização na casa dos colaboradores, como se estivessem no escritório.

A solução é personalizável às necessidades de cada empresa, passando de um ponto de impressão centralizado para pontos de impressão distribuídos por posto de trabalho.

Brother

As vantagens da solução passam pela gestão automática da logística dos consumíveis e da manutenção dos serviços pós-venda. Os equipamentos, ligados à plataforma cloud da Brother, detetam quando o toner está prestes a terminar e encomendam-no automaticamente, sem que seja necessária uma intervenção dos colaboradores ou dos responsáveis de TI. O serviço logístico da Brother fará chegar os consumíveis ao local onde se encontra o irá entregá-los à localização do dispositivo.

Baseada numa plataforma de gestão na cloud, permite que os gestores de TI possam controlar o funcionamento de forma remota, ou, se quiserem, passar o controlo total ou parcial aos serviços pós-venda da Brother.

Todo o consumo dos dispositivos é consolidado numa única fatura mensal, evitando a sobrecarga administrativa. Além disso, os equipamentos e os serviços de manutenção podem ser financiados através de renting, dado que os custos derivados do teletrabalho não estavam contemplados nos orçamentos anuais da maioria das empresas.