fbpx

A Emetrês expandiu o portefólio de películas de plastificar para proteger substratos impressos. As plastificações aumentam a longevidade nos cenários de utilização mais exigentes e ajudam a manter a integridade dos materiais durante o processo de higienização, necessário em contexto de pandemia.

“Numa altura de pandemia existe maior necessidade de proteger materiais impressos de manuseamento público, como sejam ementas de restaurantes, cartas de vinhos, cartões comerciais ou outros. Assim, as películas de plastificar Emetrês apresentam-se como aliadas perfeitas para uma plastificação segura, que permite a higienização regular sem danificar o material impresso e o protege da ameaça COVID-19”, refere a empresa em comunicado.

Emetres peliculas plastificacao

As películas são comercializadas em rolo em duas opções, mate ou brilho, com características diferentes e o adesivo permite a aplicação sem risco de enrugamento ou de criação de bolhas no trabalho final.

Compatíveis com qualquer tipo de máquina de plastificar, os rolos de plastificação vão de 200 mm a 720 mm de largura, mas a Emetrês refere disponibilizar, sob consulta, outras medidas de forma a assegurar resposta a todas as necessidades, quer para impressão offset como digital.

Entre os materiais que podem ser facilmente plastificados contam-se todos os tipos de papéis ou cartões impressos, capas de livros ou revistas, fotografias, cartazes, entre outros.

A Emetrês, com sede na Pontinha, fornece tecnologias de impressão e acabamento convencionais e digitais, assim como soluções para Fabricação Aditiva, e 3D Holográfico.