fbpx

A Associação Portuguesa de Serviços Técnicos para Eventos (APSTE), alerta para a falta de apoios ao setor, que apenas em dezembro já sofreu perdas de mais de 30 milhões de euros devido ao cancelamento de Festas de Natal e Passagem de ano, entre outros que ficam condicionados pelas atuais restrições. Os seus associados já antecipam quebras de 90% nos trabalhos previstos para os dois primeiros meses do ano.