fbpx

A papeleira Mondi está empenhada em desempenhar o seu papel na produção componentes para combater o surto da covid-19. A equipa de Componentes de Cuidados Pessoais encontrou uma forma de converter uma linha de produção na sua fábrica de Gronau, na Alemanha, para fabricar alças macias e elásticas, que estão agora a ser usadas para máscaras faciais e usadas por profissionais médicos e consumidores em todo o mundo.

A fábrica da Mondi em Gronau, Alemanha, foca-se tipicamente na produção de materiais utilizados em produtos de higiene, tais como fraldas para bebés, produtos de incontinência para adultos e itens de cuidados femininos.

Mascaras Faciais Mondi

A fábrica adaptou rapidamente uma das suas linhas para produzir uma alça laminada de três camadas que liga uma película de plástico elástica entre camadas de material macio e não tecido. As alças, que a Mondi fornece aos seus clientes são depois cortadas e fixadas a cada lado de uma máscara, para aumentar o conforto sobre os ouvidos do utilizador para manter a máscara no lugar.

O material substitui uma banda elástica que segura a máscara na face, aumentando assim a velocidade operacional das máquinas em comparação com a borracha que é mais lenta.

"A Mondi Gronau está a trabalhar para fornecer alças que sirvam mais de mil milhões de máscaras faciais não tecidas. À medida que existe uma procura crescente por este tipo de máscaras faciais, estamos a reforçar a nossa capacidade para satisfazer esta procura. Ao produzir esta tira elástica macia, somos capazes de produzir mais volume para satisfazer a procura crescente", diz Michael Trinkaus, diretor de I&D e engenharia de aplicações para a divisão de Componentes de Cuidados Pessoais.

Mondi também opera uma fábrica em Taicang, China, que lamina produtos feitos em Gronau para fazer itens de higiene não tecidos semelhantes aos fabricados na Alemanha.

A Mondi Gronau extrude a película em condições controladas e higiénicas, antes de aplicar um adesivo e as camadas não tecidas a ambos os lados. Num passo final, o laminado multicamada é então submetido a um processo de "ring-rolling", pelo qual o material é esticado entre dois rolos com "anéis de dente", ativando assim as propriedades elásticas do material sem causar danos.